Autor: John Green
Editora: WMF Martins Fontes
Páginas: 229
Gênero: Romance Juvenil
Ano: 2010
ISBN: 9788578273422

     “Quem é você, Alasca?” foi o primeiro romance publicado pelo autor John Green. É uma história fascinante e integrante e acho que a frase “Você vai rir, vai chorar e vai querer mais” do autor Markus Zusak sobre o livro “A Culpa é das Estrelas” – também escrito pelo John Green – se encaixaria também a este romance.
     Uma mistura de “intrigante e divertido” realmente entramos na história de forma suave, acompanhamos tudo o que acontece com apreensão e logo se depara com uma crise existencial de não ter mais da história. O livro mexe com a gente e você mexe com ele, uma das metáforas bem sucedidas de John.
     Conhecemos então Miles Halter, o Gordo, um adolescente que mora na Flórida com a família e está preste a ir para a um internato do Alabama em busca de um ‘Grande Talvez’. Miles gosta de colecionar ultimas palavras e é graças ao poeta François Rabelais – “Saio em busca de um Grande Talvez” – que o garoto é decidido a embarcar nessa aventura.
     Com um intenso calor e com as novidades de estar em Culver Creek (onde seu pai também estudou), ele conhece o Chip Martin, o Coronel – seu colega de quarto.
     Alimentando o vicio de cigarros do seu parceiro Chip, Gordo acaba conhecendo sua fornecedora e também melhor amiga, Alasca Young, uma garota sensual, misteriosa, de olhos verdes e boca macia.
     Atraídos pelo ato em comum de leitura, em um balanço dos pátios da escola, Alasca conta a Miles sobre seu livro predileto e sobre a dúvida que ele a causa – “Como sairei deste labirinto?” – deixando-os absortos entre um Grande Talvez e a saída do labirinto, com cigarros, desejos proibidos, trotes escolares e um possível amor. Perguntamos então, o que seria antes ou depois? O que há depois do labirinto? Afinal, quem é você, Alasca?!

Deixe um comentário